sábado, 2 de agosto de 2008

Redação de um ex-aluno

Recebi,por email,a redação de Abel Valentim,meu aluno na sétima série,hoje no segundo ano do Ensino Médio,aluno da professora Janaína.Semana passada ele me pediu opinião sobre sua redação.Achei excelente e pedi que a mandasse para ser publicada aqui.Tenho muito orgulhos dos meus alunos e ex-alunos que se interessam por leitura e se expressam tão bem.Julguem por si mesmos,a redação foi publicada na íntegra e sem nenhum ajuste.Parabéns,Abel! E pare de me chamar de alvirrosa,cheio de graça!

A INTERNET e seu idioma
Encontra-se hoje na internet uma variação linguística tão revolucionária(acho que este é o termo) que está num limite estreito entre extraordinária e absurda.Dotado de extrema ousadia e absolutamente desprovido de regras gramaticais, o novíssi-mo vocabulário parece à primeira vista,outro idioma.As abreviações são constantes. Pontuações e acentuações são raríssimas. Há palavras mistas de letras e números, palavras desfalcadas de vogais, maiúsculas e minúsculas intercalam-se num imenso carnaval.O INTERNETÊS é sucesso entre a maioria dos jovens, e é um terror para os mais conservadores. Estes afirmam que "tal variação é uma afronta à Gramática e serve de disfarce aos ignorantes". Aqueles argumentam que trata-se da "dinamizãção da linguagem na net".É...a grande rede sempre foi, entre outras coisas, causadora de várias polêmicas. Eu, que não costumo comprar briga, mesclo, quando navego, Português com Internetês, aproveitando o melhor de cada um. E não discuto com ninguém.

2 comentários:

ED CAVALCANTE disse...

EU DETESTO ISSO. BRIGO SEMPRE COM MINHA FILHA PORQUE ELA USA E ABUSA (COMO ABUSA) DESSE TIPO DE RECURSO. VOCÊ ACABA ACOSTUMANDO E UMA HORA É TRAIDO. TEM GENTE ESCREVENDO "VC" EM REDAÇÃO. ISSO NÃO PODE VIRAR REGRA! É UM DEMÉRITO PARA A MARAVILHOSA LÍNGUA PORTUGUESA.

Abel disse...

Acho que toda variação linguística é válida. O importante é que seja usada em locais adequados. Lugar de Internetês é na Internet. Fora dela, o conhecimento e a aplicação da Gramática são fundamentais.