sábado, 12 de julho de 2008

Bela canção

Devaneio- Jorge Vercillo

Mergulhei no mar
E não dava pé
Me apaixonei
Mas não sei por quem
Sonho com alguém
Que você não é
Eu me entreguei demais
Eu imaginei demais
E o silêncio fala mais que a traição
Foi um devaneio meu
Um veraneio seu
E um outono inteiro em minhas mãos
Vi um sol nascer
Pelos olhos seus
Me deixei levar
Eu não refleti
Que era a luz dos meus
Refletida em ti
Eu me entreguei demais
Eu imaginei demais
E o silêncio fala mais que a traição
Foi um devaneio meu
Um veraneio seu
E um outono inteiro em minhas mãos


2 comentários:

ED CAVALCANTE disse...

EU CONHEÇO ESSA CANÇÃO! KKKKKKK GOSTO MUITO DO JORGE. NO COMEÇO PEGAVAM NO PÉ DELE: "ESSE CARA IMITA DJAVAN". O PASSAR DO TEMPO MOSTROU QUE ELE TEM IDENTIDADE PRÓPRIA!

Abel disse...

Jorge é um mestre da música brasileira. Um dos poucos poetas que ainda existem na MPB.
"Devaneio" toca várias vezes p/ dia na Nova Brasil. Eu adoro!